Técnico da Chapecoense utilizou 30 jogadores em dois amistosos - Esporte - O Sol Diário

Turnê08/08/2017 | 19h55Atualizada em 08/08/2017 | 19h55

Técnico da Chapecoense utilizou 30 jogadores em dois amistosos

Vinícius Eutrópio quer dar ritmo a todo o grupo para encarar o returno do Brasileirão

Técnico da Chapecoense utilizou 30 jogadores em dois amistosos Fernando Mattos/Chapecoense
Túlio de Melo, que já jogou na França, foi um dos mais assediados pela torcida Foto: Fernando Mattos / Chapecoense

Apesar dos placares desfavoráveis contra Barcelona e Lyon,  o técnico da Chapecoense, Vinícius Eutrópio, disse que os amistosos foram positivos para dar ritmo a todo o grupo. Nas derrotas por 5 a 0 para o Barcelona e 2 a 1 para o Lyon ele utilizou 30 jogadores. Da delegação apenas Andrei Girotto, que sentiu o desgaste do jogo contra o Coritiba e da viagem, além do atacante Perotti, da base, não foram utilizados.

Eutrópio afirmou que, diante das circunstâncias, de jogadores que aturam em Curitiba, viajaram mais de dez horas e aturam contra o time francês, a avaliação é positiva.

- Trabalhamos as jogadas, posicionamento defensivo muito bom, jogamos contra uma equipe muito forte e todos os jogadores foram utilizados dentro desses dois jogos e isso é importante para que possamos nos preparar e dar um passo à frente principalmente para a Copa Suruga - destacou o treinador.

No entanto o treinador disse que essa intertemporada também será importante para que ocorra uma evolução individual e coletiva da equipe para o returno do Campeonato Brasileiro.

O atacante Túlio de Melo, que jogou na França, no Lille, Le Mans e Évan, foi um dos mais procurados pelos torcedores. Ele também valorizou a atuação diante do Lyon.

- Fizemos um bom jogo, o segundo gol deles estava impedido mas o mais importante foi a solidariedade que o Lyon está demonstrando conosco, pressionamos no final, infelizmente não fizemos o gol mas fizemos um jogo correto- avaliou.

O atacante disse que o momento agora é de concentração para a disputa da Copa Suruga, contra o Urawa Red Diamonds, no dia 15 de agosto, no Japão.

Follmann conversou com o zagueiro Cris, ex-seleção brasileira, que agora trabalha no Lyon Foto: Chapecoense / Divulgação

Agora, o time volta a Barcelona, onde fará mais um treinamento nesta quarta-feira,na Cidade  Desportiva Joan Gamper. Na quinta viaja para Dubai, onde vai pernoitar. Na sexta-feira treina na Ronaldinho Soccer Academy, em Dubai, e viaja à noite para o Japão, onde decide a Copa Suruga, contra o Urawa Red Diamonds, no dia 15 de agosto.


Leia mais

Veja como a Chape viveu os momentos antes do amistoso contra o Barcelona
"Daqui a 200 anos vão falar que a Chapecoense esteve no Camp Nou", diz Neto

Leia outras notícias sobre a Chapecoense

Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioSC vence disputa com DF e termina Paralimpíadas Escolares no segundo lugar https://t.co/oGwyYyNuRehá 51 minutosRetweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioClaudinei aguarda por Junior Dutra e Romulo para definir escalação do Avaí https://t.co/NGA7NnPQHshá 56 minutosRetweet
O Sol Diário
Busca