CEO do Figueirense defende trabalho do técnico Milton Cruz: "o time melhorou"  - Esporte - O Sol Diário

Sete jogos28/09/2017 | 14h36Atualizada em 28/09/2017 | 14h39

CEO do Figueirense defende trabalho do técnico Milton Cruz: "o time melhorou" 

Dirigente reclamou das críticas ao treinador e disse que não é possível fazer uma avaliação após sete jogos

CEO do Figueirense defende trabalho do técnico Milton Cruz: "o time melhorou"  Luiz Henrique/Figueirense
Foto: Luiz Henrique / Figueirense
DC Esportes
DC Esportes

O CEO do Figueirense, Alex Bourgeois, saiu em defesa do técnico Milton Cruz nesta quinta-feira. Em coletiva de imprensa, o dirigente reclamou das críticas sobre o treinador e disse que não consegue fazer uma avaliação com sete jogos. Afirmou que tem total confiança na permanência da equipe na Série B do Campeonato Brasileiro, que os jogadores estão cientes do momento e do que pode significar a queda de divisão.    

— Eu não acho que as críticas são injustas. Eu queria entender como se faz uma avaliação em sete jogos, ainda mais em um trabalho que você não formou o elenco. Pega os jogadores com o time na zona de rebaixamento, em situação difícil, então quer que ganhe todos os sete jogos? Temos um plantel que precisamos fazer jogar, o time melhorou — frisa o CEO.

Sem citar nomes ou veículo de comunicação, Bourgeois disse estranhar as críticas na imprensa de pessoas que defendem a gestão profissional, criticam a demissão de técnicos, mas pedem a saída do treinador alvinegro após sete partidas. 

— Eu não consigo fazer uma avaliação com sete jogos, quem consegue tem méritos e quero aprender com elas. Nós analisamos o dia a dia dos jogadores em todos os aspectos, então é fácil ficar de fora e falar que está errado se você não tem informação. Vamos errar? Vamos errar, mas nosso desejo, nossa vontade, é de acertar — enfatiza.

O CEO do Figueirense disse que não pensa em Série C. O objetivo é conquistar a permanência na segunda divisão nacional e montar um grupo forte para ser campeão na próxima temporada. 

— Se eu começar a pensar nisso hoje, eu paro de focar no que estou fazendo, não posso passar um segundo do meu dia pensando nisso. Tenho que pensar em como fazer um time forte para o ano que vem e ser campeão. Vamos montar um time para ser campeão da Série B. Nós já estamos montando o elenco do ano que vem, estamos com algumas peças pré-contratadas, alinhadas para chegar em janeiro. Estamos organizando a pré-temporada, será fora daqui, muito forte, para preparar o time para o ano todo — projeta.

O Figueirense encara o Paraná, às 19h15min desta sexta-feira, no Orlando Scarpelli. 

Leia todas as notícias do Figueirense
Acesse a tabela da
Série B do Campeonato Brasileiro

O Sol Diário
Busca