Criciúma e Figueirense ficam no empate no Heriberto Hülse - Esporte - O Sol Diário

Série B26/09/2017 | 21h15Atualizada em 26/09/2017 | 22h38

Criciúma e Figueirense ficam no empate no Heriberto Hülse

Jogo entre Tigre e Alvinegro terminou 1 a 1 pelo Campeonato Brasileiro

Criciúma e Figueirense ficam no empate no Heriberto Hülse CAIO MARCELO/Diário Catarinense
Foto: CAIO MARCELO / Diário Catarinense

O Criciúma dominou todo o primeiro tempo, saiu na frente com gol de Diego Giaretta e teve mais volume de jogo, mas o Figueirense buscou e empatou em 1 a 1 no Heriberto Hülse. Os donos da casa deixaram escapar dois pontos importantes para se manter na briga pelo topo da tabela. Já para o Furacão, o ponto conquistado fora ajuda o time que tenta se livrar da zona de rebaixamento.

Depois do clássico, a briga continua para os dois times catarinenses, que ocupam posições opostas na tabela. Na próxima sexta, o Figueira recebe o Paraná no Orlando Scarpelli, às 19h15min, confronto contra o time que está no G-4. Já o Tigre viaja até Campinas para encarar o Guarani, às 19h de sábado, no Brinco de Ouro. 

Domínio do Tigre no primeiro tempo

Em um primeiro tempo de defesa contra ataque, os donos da casa tiveram domínio dos 46 minutos iniciais. O Criciúma jogou com velocidade, enquanto o Figueirense buscava alguma jogada de contra-ataque, mas sem sucesso. 

Com um minuto de jogo, Silvinho mandou uma bomba em jogada pela direita, Leandro Almeida desviou para escanteio. Aos três minutos, Lucão acionou Silvinho pela esquerda, mas Saulo fechou o ângulo. Na bola rebatida para o meio da área, Ricardinho chutou por cima do gol.

Até os dez minutos de jogo, o Furação não conseguiu passar do meio de campo. A primeira jogada da equipe da capital foi pela esquerda, com João Lucas. Depois, Luidy tentou em jogada individual pela esquerda, mas a bola ficou com o goleiro Luiz. 

Aos 30 minutos, o Criciúma chegou ao gol. Silvinho cobrou escanteio e Diego Giaretta, de cabeça, abriu o placar no Heriberto Hülse. O zagueiro, que atuou na lateral esquerda do Tigre, quase ampliou na sequência, com uma bomba que bateu travessão.

Figueirense reage na etapa final 

Depois de um recomeço de partida cheio de gás, o Criciúma diminui o ritmo e o visitante começou a gostar do jogo. O Tigre chegou com perigo com Silvinho e Giaretta de novo, mas a bola não entrou. 

Melhor para o Furacão, que no contra-ataque Henan fez bela jogada e encontrou Dudu, aos 13 minutos, para empatar a partida. Henan também tentou com uma meia bicicleta, e Alex Maranhão respondeu na mesma medida, mas nenhum dos dois teve sucesso. 

Para próxima rodada, o Criciúma não poderá contar com Alex Maranhão que levou o terceiro cartão amarelo. Do lado do Figueira, Leandro Almeida vai ser o desfalque, também para cumprir suspensão por cartão.

Ficha técnica 

CRICIÚMA - 1: Luiz; Maicon Silva (Douglas Moreira), Nino, Edson Borges e Diego Giaretta; Barreto, Ricardinho, Caique (Caio Rangel) e Alex Maranhão (Moisés); Silvinho e Lucão. Técnico: Beto Campos.
FIGUEIRENSE - 1: Saulo; Dudu, Marquinhos, Leandro Almeida e João Lucas; Pereira, Patrick e Marco Antônio; Luidy (João Paulo), Henan e Ty Sandows (Joãozinho). Técnico: Milton Cruz.  
GOLS: No primeiro tempo, Diego Giaretta (Criciúma) aos 30 minutos. No segundo tempo, Dudu, aos 13.
Cartões amarelos: Leandro Almeida, Pereira, do Figueirense. Alex Maranhão, do Criciúma.
ARBITRAGEM: Pablo dos Santos Alves, auxiliado por Oberto da Silva Santos e Kildenn Tadeu Morais de Lucena (trio de PB)
LOCAL: Heriberto Hülse, em Criciúma
Público: 4.739
Renda: R$ 82.340

Leia outras notícias sobre o Criciúma
Leia todas as notícias do
Figueirense
Acesse a tabela da
Série B do Campeonato Brasileiro

O Sol Diário
Busca