Figueirense tenta embalar no Campeonato Brasileiro diante do Boa Esporte e sair do Z-4 - Esporte - O Sol Diário

Série B08/09/2017 | 08h30Atualizada em 08/09/2017 | 08h30

Figueirense tenta embalar no Campeonato Brasileiro diante do Boa Esporte e sair do Z-4

Alvinegro entra em campo às 19h15min desta sexta-feira em Varginha

Figueirense tenta embalar no Campeonato Brasileiro diante do Boa Esporte e sair do Z-4 Arte DC/Arte DC
Foto: Arte DC / Arte DC
DC Esportes
DC Esportes

Sofridos dois gols, um deles em falha clamorosa, o goleiro Fábio deixava o Orlando Scarpelli para nunca mais voltar. A viagem de táxi do arqueiro marcou o começo da ida do Figueirense à zona de rebaixamento da Série B do Campeonato Brasileiro, à crise profunda, à mudança na gestão do clube e ao retorno da esperança. Há um turno, a equipe alvinegra era a nona colocada (no meio da queda ao Z-4), tinha Márcio Goiano como treinador e Wilfredo Brillinger como presidente. A presidência ainda é a mesma, mas o dirigente máximo do Figueira que encara o Boa Esporte nesta sexta-feira responde pelo nome de Alex Bourgeois, CEO. 

Alguns jogadores na escalação e o mesmo uniforme. Com exceção destes fatores, o Furacão está completamente diferente. Se o revés em casa por 2 a 0 para o time mineiro era apenas um degrau no retorno à elite, hoje o conjunto preto e branco estará em ação para deixar a área incômoda da classificação e com um novo comandante, o técnico Milton Cruz — que sucedeu Marcelo Cabo. 

O Figueirense adentra ao gramado do Municipal de Varginha, para o duelo das 19h15min, após quase duas semanas dedicadas à preparação. Foi uma pré-temporada para que o treinador, já na sua quarta partida na casamata, pudesse implantar a filosofia de jogo e fazer com que o time saia da zona de rebaixamento, área que frequenta desde a nona rodada. 

Técnico do Figueirense mantém mistério no time para jogo contra o Boa Esporte

Outro clima na retomada 

No decorrer do período sem jogos, Milton Cruz fez experimentos, chegou a testar Marco Antônio como primeiro homem no meio de campo. Porém, ao final do último treinamento, em Elói Mendes, cidade que fica a 21 km de Varginha, o comandante alvinegro preferiu não dar informações sobre a escalação. Uma mudança, no entanto, o treinador deixou claro: o clima do conjunto é outro para a retomada dos jogos do campeonato. 

— O pessoal está em um astral diferente desde a vitória contra o Guarani, a torcida tem apoiado e quero parabenizá-la. A própria diretoria, ajudando fora também, chamando os torcedores, fazendo promoções. Isso dá confiança e se vê um astral totalmente diferente. Falei para eles (jogadores): ganhamos uma, mas temos que ter uma sequência para sair (do Z-4). Vamos dar nosso melhor para sair daqui com uma vitória — descreveu Cruz. 

Ficha técnica 

Boa Esporte: Fabrício; Léo Baiano, Caíque, Júlio Santos e Paulinho; Radamés, Diones, Thaciano e Casagrande; Reis e Rodolfo. Técnico: Nedo Xavier. 

Figueirense: Saulo; Dudu, Marquinhos, Leandro Almeida e Guilherme Lazaroni; Zé Antônio, Patrick, Marco Antônio e Jorge Henrique; Zé Love e Henan. Técnico: Milton Cruz. 

Arbitragem: Gilberto Rodrigues Castro Júnior, auxiliado por Marcelino Castro de Nazaré e Bruno Cesar Chaves Vieira (trio de PE). 

Data e horário: nesta sexta-feira, às 19h15min.

Local: Estádio Municipal de Varginha (MG).

Leia outras notícias sobre o Figueirense 
Acesse a tabela da Série B do Campeonato Brasileiro

O Sol Diário
Busca