Com primeiro tempo iluminado, Tubarão vence e deixa o Inter de Lages na lanterna  - Esporte - O Sol Diário
 

Catarinense15/02/2018 | 23h30Atualizada em 15/02/2018 | 23h30

Com primeiro tempo iluminado, Tubarão vence e deixa o Inter de Lages na lanterna 

Partida teve atraso de 1h10min por conta de falta de energia no estádio Domingos Gonzales

Com primeiro tempo iluminado, Tubarão vence e deixa o Inter de Lages na lanterna  CA Tubarão/Divulgação
Foto: CA Tubarão / Divulgação
DC Esportes
DC Esportes

Batista, duas vezes, e Daniel Costa, uma vez, encaminharam a vitória do Tubarão, por 3 a 1, de virada, sobre o Inter de Lages, com um primeiro tempo iluminado nesta quinta-feira. O confronto no Estádio Domingos Gonzales, em Tubarão, pela oitava rodada do Campeonato Catarinense 2018, teve atraso de 1h10min e a bola rolou somente às 21h40min. 

Um problema no sistema de iluminação do estádio, que teve a queima de alguns disjuntores, impossibilitou o início no horário programado. O duelo chegou a ser dado como adiado pelo delegado Wellington Brasil Ribeiro, mas o árbitro Diego da Costa Cidral cumpriu o que de fato determina o regulamento, esperou o tempo necessário e a energia foi restabelecida.

A vitória leva o Peixe aos oito pontos, subindo para a sétima colocação. O time tem a mesma pontuação que Brusque e Criciúma, que vêm logo abaixo, mas leva vantagem por ter melhor saldo de gols. O Inter de Lages agora é o lanterna do Estadual, com sete pontos. No domingo, às 17h, o Tubarão enfrenta o Joinville, na Arena, enquanto o Leão Baio recebe o Brusque.

Com a bola rolando, o Inter foi ao ataque e abriu o placar aos 10 minutos. O lateral-esquerdo Sanchez soltou a pancada da intermediária e acertou o ângulo de Belliato. Depois disso, o Tubarão tomou conta da partida. Aos 24, Rodrigo Alves finalizou e a bola passou perto. Três minutos mais tarde, o atacante driblou Fabian Volpi e na sequência Batista completou: 1 a 1.

Na base da pressão, o Tubarão quase fez o segundo após chute forte de Guilherme Amorim, mas a bola ficou na zaga adversária. Aos 36, a virada. Batista invadiu a área e tocou no canto para fazer 2 a 1. Nos acréscimos do primeiro tempo, os mandantes ampliaram com um belo gol de Daniel Batista. Em contra-ataque, o meia driblou o zagueiro e bateu colocado: 3 a 1.

O Tubarão administrou a vantagem no segundo tempo. O Inter tentou diminuir. Aos 12, Max chutou por cima do gol mesmo estando dentro da área. No Peixe, Everton Dias fez o mesmo aos 18. Dois minutos mais tarde, o camisa 9 do Leão Baio voltou a errar após dar o chapéu em Jaílton. Aos 37, Everton Júnior chutou em cima de Volpi e perdeu o que seria o quarto gol.

FICHA TÉCNICA

TUBARÃO - 3
Belliato; Marcos Vinícius, Jaílton, William Mineiro e Nikolas Farias; Guilherme Amorim (Alex Nemetz), Matheus Barbosa, Everton Dias e Daniel Costa; Batista (Índio) e Rodrigo Alves (Everton Júnior).
Técnico: Waguinho Dias.   

INTER DE LAGES - 1
Fabian Volpi; Kellyton (Jean), Fernando Belém, Pierre e Sanchez; Bruno Sena (Gregory), Jeferson e Felipe (Jean Lucas); Rafhael Lucas, Luizinho e Max.
Técnico: Leandro Niehues.

GOLS: Sanchez (I), aos 10, Batista (T), aos 27 e 36, e Daniel Costa (T), aos 47 minutos do primeiro tempo.
CARTÕES AMARELOS:
Alex Nemetz (T). Kellyton, Felipe e Jeferson (I).
ARBITRAGEM:
Diego da Costa Cidral, auxiliado por Henrique Neu Ribeiro e Fabiano Coelho da Silva.
LOCAL: Estádio Domingos Gonzales, em Tubarão.

Veja a tabela completa do Estadual
Leia mais notícias sobre o
Catarinense 2018

Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioAutor de gol na vitória do Avaí, Guga cita ídolo: "Falta a la Marquinhos" https://t.co/9PHeNCNJnPhá 7 horas Retweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioAvaí vence o Paysandu, acaba jejum em casa e entra no G-4 https://t.co/WuJTspZXTnhá 8 horas Retweet
O Sol Diário
Busca