Em bom momento, Figueirense encara o Oeste pela Copa do Brasil - Esporte - O Sol Diário
 

Copa do Brasil21/02/2018 | 07h47Atualizada em 21/02/2018 | 09h31

Em bom momento, Figueirense encara o Oeste pela Copa do Brasil

Partida acontece nesta quarta-feira, às 20h30min, no Orlando Scarpelli

Em bom momento, Figueirense encara o Oeste pela Copa do Brasil Arte DC/Arte DC
Foto: Arte DC / Arte DC
DC Esportes
DC Esportes

Invicto na temporada e líder do Campeonato Catarinense, o Figueirense tem um outro objetivo nesta quarta-feira, às 20h30min. Em jogo único, o Furacão pega o Oeste, no Orlando Scarpelli, de olho na classificação à terceira fase da Copa do Brasil. Isso vai significar ampliar a sequência sem derrotas - o empate leva a decisão aos pênaltis - e embolsar a quantia de R$ 1,4 milhão. Afinal, esse é o valor oferecido como prêmio pela Confederação Brasileira de Futebol.  

Em 10 jogos em 2018, o Figueirense tem sete vitórias e três empates. Um dos triunfos foi justamente na fase inicial, quando fez 2 a 0 sobre o Treze-PB, em Campina Grande. No Estadual, o Furacão lidera com 21 pontos, um a mais que a Chapecoense. Se avançar, o Alvinegro encara Botafogo-PB ou Atlético-MG. Apesar do bom momento, o técnico Milton Cruz cobra humildade para o jogo contra um dos adversários do time na sequência do ano, pois o Oeste também está na Série B nacional.

– O momento é de pés no chão. Não apenas eu, mas os jogadores sabem disso. Conversamos bastante, temos jogadores experientes que passaram por isso e nos ajudam em campo. Todos estão cientes da boa campanha, mas não ganhamos nada. Chegamos em primeiro no turno, mas ainda falta o segundo turno para chegarmos na final – falou o treinador ao se referir à disputa do Catarinense.

Contra o Oeste, Milton Cruz volta a contar com a dupla Felipe Amorim e Jorge Henrique, que estavam no departamento médico. A escalação deles desde o início, porém, é incerta. A certeza é que o volante Betinho, que deixou o jogo contra o Concórdia, no domingo, vai atuar. Por outro lado, o atacante Maikon Leite teve lesão muscular confirmada e está vetado. O treinador considera que o time está preparado para mais um desafio.

– O Figueirense é grande e sempre terá a pressão para a vitória. Estamos bem preparados. Enfrentamos a Chapecoense (empate por 0 a 0), que vem de uma oitava posição no Brasileiro. O Jorge Henrique e o Felipe Amorim fizeram falta nesse jogo, principalmente para fazer a ligação. Contra o Concórdia, usamos o Cedrón para a função. Tenho feito o rodízio e ainda assim os jogadores sentiram lesões. A recuperação em si tem sido boa. Estamos no caminho certo – completou.

Sob o comando de Roberto Cavalo, o Oeste chegou à segunda fase ao ficar no 1 a 1 diante do Brasiliense, fora de casa. Desde então, o time acumulou três derrotas seguidas no Paulista da Série A2. Para piorar, o treinador não terá o meia Mazinho, principal jogador do elenco, vetado por conta de um problema muscular.

FICHA TÉCNICA

FIGUEIRENSE X OESTE

FIGUEIRENSE
Denis; Samuel Santos, Cleberson, Nogueira e João Lucas; Zé Antônio, Betinho, João Paulo e Victor Cedrón; Gustavo Ferrareis (Felipe Amorim) e André Luís.
Técnico: Milton Cruz.

OESTE
Wendel; Daniel Borges, Joílson, Leandro Amaro e Ricardo; Lídio, Wallace, Betinho e Bruno Lopes; Raphael Luz e Nicolas Careca.
Técnico: Roberto Cavalo.

ARBITRAGEM: Antonio Dib Moraes de Sousa (PI), auxiliado por Alisson Lima Damasceno (PI) e Márcio Iglésias Araújo Silva (PI).
DATA E HORA: quarta-feira, 21, às 20h30min.
LOCAL: Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis.

Confira a tabela do Estadual
Confira mais notícias sobre o
Campeonato Catarinense 2018

Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioSem Renato, Geninho tem dúvida no meio do Avaí diante do Oeste https://t.co/RVz9xVLTrehá 37 minutosRetweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioTécnico do Figueirense exalta participação de Maikon Leite no duelo com o Coritiba https://t.co/rD8qUMXldThá 4 horas Retweet
O Sol Diário
Busca