Concórdia e Avaí fazem duelo de opostos além de posição no Catarinense 2018 - Esporte - O Sol Diário
 

Estadual18/03/2018 | 08h07Atualizada em 18/03/2018 | 08h07

Concórdia e Avaí fazem duelo de opostos além de posição no Catarinense 2018

Equipe azurra é caracterizada pela juventude, enquanto Galo do Oeste aposta em atletas tarimbados para deixar a lanterna

Concórdia e Avaí fazem duelo de opostos além de posição no Catarinense 2018 Arte DC/Arte DC
Foto: Arte DC / Arte DC
João Lucas Cardoso
João Lucas Cardoso

joao.lucas@somosnsc.com.br

Juventude contra experiência. Os jovens têm feito a diferença para o Avaí. Com time recheado de jogadores formados na base a equipe tem se mantido no encalço dos líderes e espera continuar assim depois do encontro marcado para as 19h deste domingo, pela 14ª rodada do Campeonato Catarinense 2018. O time anfitrião do Domingos Machado Lima aposta em atletas rodados para escapar da zona de rebaixamento. Nesta semana, por exemplo, o Concórdia trouxe de volta o goleiro Zé Carlos, de 32 anos.

Na equipe do Avaí que deve começar o jogo, são cinco atletas formados na Ressacada. Com a garotada em ação o Leão tem alcançado sucesso maior na Copa do Brasil. Nas eliminações de Ceilândia-DF, Juventude e Fluminense, os oito gols foram anotados por jogadores criados na casa azurra. Destaque para o atacante Romulo, que deixou o seu nos três confrontos. Artilheiro do clube na temporada, deve estar em campo para tentar fazer com o que o Avaí diminua a vantagem de seis pontos que tem o Figueirense, segundo colocado.

O Concórdia tem tentado elevar a experiência do elenco para encarar a situação complicada no Campeonato Catarinense. Na semana anterior, o zagueiro e volante Wellington Neto desembarcou no Oeste do Estado. Nos últimos dias o clube recebeu de volta o goleiro Zé Carlos, peça importante na campanha do acesso. Com eles, a média de idade do time é de 26 anos.

Sem técnicos na beirada
O Avaí tem baixas significativas. O volante Luan está suspenso pelo terceiro cartão amarelo e o meia-atacante Luanzinho também fica de fora pela expulsão no 1 a 1 do clássico com o Figueirense. Ainda, o jovem talento azurra vai se apresentar à Seleção Brasileira sub-20 para compromissos em Manaus até o dia 26. Além deles, Judson, André Moritz e Marquinhos foram poupados e não viajaram. A equipe azurra terá um novo trio no meio de campo. Na área técnica do Leão estará o auxiliar Evando, já que Claudinei Oliveira foi excluído da partida passada.

Depois de demitir Mauro Ovelha, o Concórdia tentou o empréstimo do auxiliar Emerson Cris, da Chape, para comandar o time, mas a CBF vetou a ideia inédita no Brasil. Assim, o Galo promoveu o coordenador da base, Paulo César Moro, ao posto de técnico.

A diretoria do Galo vai liberar o acesso de mulheres ao estádio. Basta que elas retirem ingresso na bilheteria do Domingos Lima. O bilhete para arquibancadas custa R$ 30.

FICHA TÉCNICA

CONCÓRDIA X AVAÍ

CONCÓRDIA
Zé Carlos; Lucas, Lacerda, Gabriel Peres, Talys; Wellington Neto, Gelson, Andrei Alba e Paulinho; Aldair e Vinícius Baiano. Técnico: Paulo César Moro.

AVAÍ
Aranha; Guga, Alemão, Betão e João Paulo; Menezes, Lucas de Sá e Martinuccio; Romulo, Getúlio e Maurinho. Técnico: Evando (interino).

ARBITRAGEM: Rodrigo D'Alonso Ferreira, auxiliado por Thiago Americano Labes e Clair Dapper.
DATA E HORA:  às 19h de domingo.
LOCAL: Domingos Lima, em Concórdia.

Confira a tabela do Catarinense 2018
Leia mais notícias sobre o
Catarinense 2018

O Sol Diário
Busca