Geninho confirma Avaí com uma mudança para enfrentar o Paysandu - Esporte - O Sol Diário
 

Série B24/05/2018 | 16h12Atualizada em 24/05/2018 | 16h12

Geninho confirma Avaí com uma mudança para enfrentar o Paysandu

Pedro Castro não se recupera e desfalca o Leão nesta sexta-feira na Ressacada

Geninho confirma Avaí com uma mudança para enfrentar o Paysandu Cristiano Estrela/Diário Catarinense
Foto: Cristiano Estrela / Diário Catarinense
DC Esportes
DC Esportes

André Moritz na vaga de Pedro Castro. Essa será a única mudança no Avaí para o jogo diante do Paysandu nesta sexta-feira, às 19h15min, pela sétima rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O técnico Geninho confirmou que o meia, ainda não totalmente recuperado de lesão muscular, será poupado para não agravar o problema na temporada.

– A lesão do Pedro ainda está sendo curada. Não vou repetir o time, pois quem joga é o Moritz. A equipe está definida. Vamos tentar fazer o que a torcida espera, que é um bom jogo aqui em casa. Muda um pouco a característica de jogo, mas não perde muito. A equipe está encaixada e os jogadores bem nas suas funções – disse Geninho.

Assim, o Leão começa a partida na Ressacada com Aranha; Alemão, Betão e Airton; Guga, Judson, André Moritz, Renato e Capa; Romulo e Rodrigão. Com apenas uma derrota e cinco jogos de invencibilidade, o Leão faz um confronto direto pela vaga no G-4 da Série B. Isso porque, o Avaí soma 11 pontos, um a menos que o rival Figueirense, atual quarto colocado, e o Papão, adversário desta sexta-feira, que está em quinto lugar.

– O Paysandu do ano passado para cá passou por uma reformulação grande. É um time que está sonhando alto em cima da reestruturação e tentando levar isso para dentro de campo. Montou um elenco forte, experiente. Vai ser um adversário forte. Foi campeão da Copa Verde e chega bem. É uma briga direta neste momento da competição. Vamos ter dificuldade, mas se mantermos o ritmo temos boas chances de fazer o resultado – completou.

Empolgado com duas vitórias consecutivas, o Avaí tem como objetivo acabar com a seca de 70 dias sem vencer na Ressacada. O último triunfo foi no dia 15 de março, por 1 a 0, sobre o Fluminense, pela terceira fase da Copa do Brasil. Foram seis jogos no período, sendo cinco empates e apenas uma derrota. Se isso acontecer, o Leão entra no G-4.

Veja a tabela da Série B do Brasileiro
Mais notícias do
Avaí

O Sol Diário
Busca