Meta do Criciúma é estar entre os dez melhores até o fim do turno - Esporte - O Sol Diário
 

Série B04/06/2018 | 12h17Atualizada em 04/06/2018 | 13h59

Meta do Criciúma é estar entre os dez melhores até o fim do turno

Para atingir o objetivo, primeiro o clube quer deixar a zona de rebaixamento após os próximos quatro jogos 

Meta do Criciúma é estar entre os dez melhores até o fim do turno Guilherme Hahn/Especial
Mazola Júnior só permitiu à imprensa que fizesse imagens durante o aquecimento dos atletas Foto: Guilherme Hahn / Especial
Renan Medeiros

Bastou o Criciúma vencer a primeira na Série B do Campeonato Brasileiro que o otimismo voltou a reinar no Estádio Heriberto Hülse. Após a vitória por 1 a 0 diante do Avaí na Ressacada, o clube estabeleceu duas metas: a primeira é estar fora da zona de rebaixamento depois dos próximos quatro jogos. A segunda e mais audaciosa é terminar o turno na metade superior da tabela.

— O grupo está totalmente focado para os próximos quatro compromissos e esperamos que ao final dessas quatro rodadas a gente já esteja fora do Z-4. Colocamos como objetivo estar na parte de cima da tabela no fim do primeiro turno — revelou o zagueiro Nino.

Para ele, especialmente, essa nova fase veio em um momento oportuno. Nino era um dos mais cobrados pela torcida em razão dos maus resultados.

O problema defensivo e dos erros individuais na defesa sofrer gols parece ter sido sanado. Nos três jogos sob o comando de Mazola Júnior, o Tigre só levou gol em um, contra o líder Fortaleza, ocasião em que perdeu por 2 a 0

— Desde que o Mazola chegou, ele bateu muito nessa tecla de não tomar gol, de se empenhar mais na marcação, ser compacto e fechado lá atrás, porque a Série B é um campeonato de defesa. Se a gente colocar isso na cabeça, os pontos vão surgir e vamos sair dessa situação — projeta o jovem zagueiro.

Último treino

Na manhã desta segunda-feira (4), Mazola  comandou o último treino antes do confronto dessa terça (5), às 19h15min, no Estádio Heriberto Hülse, contra o Paysandu. O técnico proibiu a imprensa de fazer imagens após o aquecimento dos jogadores, mas permitiu a permanência dos jornalistas durante o treino.

Em um rachão de campo reduzido, Mazola repetiu o time que começou jogando contra o Avaí: Luiz; Sueliton, Nino, Fábio Ferreira e Marlon; Jean Mangabeira, Eduardo, Luiz Fernando e Elvis; João Paulo e Zé Carlos. Estes devem ser os titulares para encarar o Papão da Curuzu.

Próximos quatro adversários do Criciúma:

Paysandu (3º), em casa, dia 5 de junho (terça-feira), às 19h15min
Boa Esporte (20º), em casa, dia 9 de junho (sábado), às 16h30min
Oeste (13º), fora de casa, dia 16 de junho (sábado), às 19h
Brasil de Pelotas (15º), fora de casa, dia 22 de junho (sexta-feira), às 19h15min

Veja a tabela da Série B do Brasileiro
Mais notícias do
Criciúma

O Sol Diário
Busca