Para WP9, superação mostrada contra o Galo deve ser marca da Chapecoense - Esporte - O Sol Diário
 
 

Série A02/06/2018 | 18h16Atualizada em 02/06/2018 | 18h16

Para WP9, superação mostrada contra o Galo deve ser marca da Chapecoense

Equipe verde conseguiu empatar duelo fora de casa jogando maior parte com um a menos

Para WP9, superação mostrada contra o Galo deve ser marca da Chapecoense Sirli Freitas/Chapecoense
Foto: Sirli Freitas / Chapecoense
DC Esportes
DC Esportes

Superação. Palavra que define a Chapecoense no empate em 3 a 3 com o Atlético-MG neste sábado. No Independência, a equipe verde saiu na frente, tomou a virada, teve jogador expulso e conseguiu duas igualdades ao longo da partida pela nona rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. A postura apresentada em Belo Horizonte, de acordo com o centroavante Wellington Paulista, precisa ser a marca da Chape na competição.

- Comemoramos o ponto porque é difícil ganhar ou empatar com o Atlético-MG aqui. Fizemos um baita jogo. Mesmo com um menos, marcamos e jogamos bem, conseguimos fazer dois gols ainda, envolvemos a equipe deles em alguns momentos. Nossa caraterística é essa, de marcação, e assim vamos jogar para conquistar as vitórias no campeonato — disse o atacante na saída de campo.

Para ele, o ponto somado está de bom tamanho pelo andamento da partida. No entanto, ele acredita que se Leandro Pereira não fosse expulso aos 37 minutos do primeiro tempo a volta para Chapecó seria com três pontos na bagagem.

- Festejamos o ponto pelas circunstâncias do jogo, por ter um a menos e a forma que jogaram contra a gente. Mas foi um bom jogo. Temos de marcar e jogar quando tivermos a bola no pé. Acho que com um jogador a mais teríamos um resultado melhor — apontou WP9, em entrevista para rádios após o 3 a 3 decretado.

O Verdão do Oeste continua fora de casa depois da partida em Belo Horizonte. Às 19h30min de quarta-feira tem o duelo contra o Vitória, no Barradão.

Leia mais notícias sobre a Chapecoense no DC

O Sol Diário
Busca