Chapecoense quer retribuir Torino com amistoso em Chapecó - Esporte - O Sol Diário
 

Na Itália01/08/2018 | 09h57Atualizada em 01/08/2018 | 09h57

Chapecoense quer retribuir Torino com amistoso em Chapecó

Presidente Plínio David de Nes Filho espera fim de obras de melhoria na Arena Condá para formalizar convite

Chapecoense quer retribuir Torino com amistoso em Chapecó Félix Zucco/Agencia RBS
Foto: Félix Zucco / Agencia RBS
DC Esportes
DC Esportes

A Chapecoense pretende reencontrar o Torino dentro campo, e no Brasil. Os clubes fazem nesta quarta-feira, às 16h30min (de Brasília), amistoso em Turim, na Itália. O presidente da Chape, ainda na véspera da partida, manifestou o plano de recepcionar o clube italiano no próximo ano. Conforme Plínio David de Nes Filho, quando a Arena Condá estiver com obras de melhoria concluídas, vai fazer contato os dirigentes do Toro com o convite para retribuírem a visita.

— Pensamos em levar o Torino ao Brasil. No momento estamos com reforma em nosso estádio, melhorando o nível de iluminação e fazendo algumas reformas, com camarotes para recepcionar os amigos. Tão logo esteja pronta, entre oito ou nove meses, gostaríamos de receber o Torino. Inclusive já conversamos sobre isso, para prestarmos nossas homenagens na nossa cidade, mostrar o nosso clube, corresponder ao carinho que recebemos aqui — disse Maninho, como é conhecido o presidente da Chape.

O Verdão recebeu em outubro do ano passado um total de R$ 16 milhões (Governo Federal e Prefeitura) para executar melhorias na Arena Condá. Entre elas estão cobertura de parte das arquibancadas, camarote para visitantes e o museu da Chapecoense. O amistoso em Chapecó é uma forma de agradecer ao Torino pelo convite e pela solidariedade. Os clubes se colocam como irmãos pelo fato de terem suportado tragédias em acidentes aéreos, os italianos em 1949 e os catarinenses em 2016. O jogo em Turim é uma forma de estreitar esse laço.

— Fico muito feliz e honrado por estar aqui e jogar um amistoso contra uma grande equipe da Europa. É uma forma de agradecer de alguma maneira as pessoas que sempre torceram por nós — disse o meia Alan Ruschel, que estará em ação no amistoso desta quarta-feira.

Leia mais notícias sobre a Chapecoense no DC


O Sol Diário
Busca