Mazola enaltece papel da torcida carvoeira em vitória do Criciúma - Esporte - O Sol Diário
 

Fator casa09/09/2018 | 08h00Atualizada em 09/09/2018 | 08h00

Mazola enaltece papel da torcida carvoeira em vitória do Criciúma

"Os caras já chegam aqui preocupados", afirmou o técnico

Mazola enaltece papel da torcida carvoeira em vitória do Criciúma Guilherme Hahn/Especial
Foto: Guilherme Hahn / Especial
Renan Medeiros

Os  3.620 torcedores que compareceram ao estádio Heriberto Hülse na tarde desse sábado foram fundamentais para a vitória do Criciúma diante do Fortaleza, por 2 a 0. Quem diz é o comandante do Tigre, Mazola Júnior. Segundo ele, a torcida será um fator chave na luta por algo melhor na Série B a partir de agora.

— Tirando o jogo do Juventude, quando eu tinha acabado de chegar, só tenho a agradecer a torcida do Criciúma. O ambiente no Majestoso mudou totalmente. Os caras já chegam aqui preocupados. O torcedor abraçou a equipe, esse era um fator fundamental. A gente sabia que não teria mais nenhum movimento grande de contratação. Se a gente não trouxesse o torcedor para o nosso lado, a situação seria muito mais difícil. Quando a torcida vem junto, é duro jogar aqui. Como treinador adversário, nunca venci no Majestoso — enalteceu Mazola.

Quanto ao jogo, o técnico viu o Tigre superior ao Fortaleza, que considera "a melhor equipe da competição", embora avalie que tenha sido pouco competente nesse sábado.

— É um time muito difícil de ser marcado, atacantes e meias muito ofensivos e de muita qualidade. Conseguem aliar velocidade com técnica. O Criciúma esteve no seu melhor hoje também, na sua proposta, que é uma equipe que marca forte, tem as linhas bem delineadas e preenche bem espaço. Dentro das nossas limitações, fizemos um bom jogo. Taticamente, o Criciúma foi perfeito e de entrega total. Prova disso foram as lesões — afirmou o técnico.

Todas as três substituições foram por lesão ou cansaço. Eduardo, que sentiu a coxa, ainda é dúvida para o próximo confronto.

 O Criciúma, agora, tem uma semana para se preparar para mais um compromisso em casa. No próximo sábado, às 16h30min, o Tigre recebe o Avaí para um duelo catarinense no Heriberto Hülse. O Leão vem de derrota frente ao Paysandu e busca o retorno ao G-4.  Para ter sucesso novamente, Mazola já convocou a nação carvoeira.

— O diferencial vai ser, novamente, o Majestoso, uma moldura humana talvez até maior que a do jogo contra o Fortaleza — diz.


Veja a tabela da Série B do Brasileiro
Mais notícias do
Criciúma

O Sol Diário
Busca