Ex-prefeito de Balneário Camboriú, Aldo Novaes, morre aos 84 anos - O Sol Diário
 
 

 
 

Luto03/01/2013 | 17h16

Ex-prefeito de Balneário Camboriú, Aldo Novaes, morre aos 84 anos

Político foi autor do projeto de lei que emancipou o então Distrito da Praia de Camboriú, em 1964

Ex-prefeito de Balneário Camboriú, Aldo Novaes, morre aos 84 anos Keila Fukushima/Divulgação
Ex-prefeito Aldo Novaes foi homenageado em 2011 na Câmara de Balneário Camboriú Foto: Keila Fukushima / Divulgação
O ex-prefeito de Balneário Camboriú, Aldo Novaes, 84 anos, morreu na madrugada desta quinta-feira no Hospital do Coração. No fim do ano passado o político sofreu um infarto e teve a saúde debilitada. Internado há um mês, ele teve falência múltipla dos órgãos por volta da 1h.

O corpo foi cremado no Crematório Vaticano, em Balneário, e a cerimônia de despedida ocorreu às 14h30min desta quinta-feira. Ele deixa mulher, 10 filhos, 21 netos, oito bisnetos e um tataraneto.

Novaes foi vereador na cidade de Camboriú nos anos 1960 e autor do projeto de lei de 1964 para a emancipação do Distrito da Praia de Camboriú, atualmente Balneário Camboriú. Dos sete legisladores, cinco votaram a favor e Balneário foi criada em 8 de abril do mesmo ano.

O político foi o segundo prefeito do município, nomeado interinamente pelo então governador Celso Ramos até as primeiras eleições. Ele comandou o Executivo por um ano, quando Higino João Pio foi eleito. Em 2011 recebeu homenagem na Câmara de Vereadores pelo trabalho feito pela cidade.

O SOL DIÁRIO

 
O Sol Diário
Busca