Brusque e Concórdia são absolvidos no TJD/SC e Hercílio Luz perde 12 pontos - O Sol Diário
 
 

 
 

Divisão Especial16/07/2013 | 22h08

Brusque e Concórdia são absolvidos no TJD/SC e Hercílio Luz perde 12 pontos

Procuradoria e representantes do Marcílio Dias e Hercílio Luz prometem recorrer

Brusque e Concórdia são absolvidos no TJD/SC e Hercílio Luz perde 12 pontos Julimar Pivatto/Agência RBS
Tribunal de Justiça Desportiva se reuniu na noite desta terça-feira Foto: Julimar Pivatto / Agência RBS

O julgamento dos casos de Brusque, Concórdia e Hercílio Luz movimentou a sala do Tribunal de Justiça Desportiva de Santa Catarina, na noite desta terça-feira, em Balneário Camboriú. E os times do Vale do Itajaí e do Oeste do Estado foram absolvidos da denúncia de escalação de jogador em situação irregular. Já o clube do Sul não teve a mesma sorte e perdeu 12 pontos, mais multa de R$ 1,2 mil. A decisão de todos os casos cabe recurso.

O Hercílio Luz perdeu 12 pontos e foi multado por escalar um jogador com menos de 16 anos nas quatro primeiras rodadas da Divisão Especial do Campeonato Catarinense. A defesa tentou alegar que houve erro na hora de confeccionar as súmulas, já que o clube tem dois jogadores com nomes parecidos: Matheus dos Santos e Matheus Nunes dos Santos. Este foi o atleta escalado, mas o primeiro que jogou.

A decisão da comissão foi dividida. Dois auditores votaram pela punição, dois pela absolvição e um por incluir a questão em outro artigo. Como voto de minerva, o presidente da comissão optou pela punição. O advogado do Hercílio Luz promete recorrer.

Já os casos de Brusque e Concórdia, por serem parecidos e terem o mesmo defensor, foram julgados juntos. Os clubes foram denunciados por relacionar atleta com idade superior a 20 anos e com contrato amador. Os auditores se dividiram na decisão, sendo dois votos pela punição e dois pela punição com multa de R$ 500 por dia. Mas o presidente definiu pela absolvição, alegando que a lei não especifica a idade limite e é interpretativa.

O presidente do Marcílio Dias, Marlon Bendini, acompanhou a sessão e disse respeitar a decisão. Mas promete recorrer da decisão já nesta quarta-feira.

O SOL DIÁRIO

Notícias Relacionadas

Divisão Especial 09/07/2013 | 20h52

Julgamento de Hercílio Luz, Concórdia e Brusque é adiado novamente

Sessão seria na noite desta terça-feira, mas deve acontecer apenas na semana que vem

Tapetão na Segundona 09/07/2013 | 07h03

Clubes estão confiantes em absolvição no Tribunal de Justiça Desportiva

Marcílio Dias apresentou denúncia contra Brusque, Concórdia e Hercílio Luz por escalação de atletas irregulares

 
O Sol Diário
Busca