Área que desabou na Avenida Osvaldo Reis, em Itajaí, ainda corre risco de deslizamento - O Sol Diário
 
 

Recuperação02/09/2014 | 10h54

Área que desabou na Avenida Osvaldo Reis, em Itajaí, ainda corre risco de deslizamento

Apesar da conclusão das obras, prefeitura e Defesa Civil continuam monitorando a encosta

Área que desabou na Avenida Osvaldo Reis, em Itajaí, ainda corre risco de deslizamento Marcos Porto/Agência RBS
Prefeitura já concluiu as obras de recuperação da encosta Foto: Marcos Porto / Agência RBS

A área da Avenida Osvaldo Reis, em Itajaí, onde ocorreu um deslizamento de terra em agosto, ainda corre risco de desabamento. Apesar da conclusão das obras de contenção e reaterro, não há garantias contra novos acidentes. Com o predomínio de nebulosidade e previsão de chuva até o fim de semana, o monitoramento do local deve ser ampliado pela Secretaria de Obras e Defesa Civil do município.

Relembre o caso:
>> Cratera na pista causa congestionamento em Itajaí
>> Prefeitura trabalha em cratera na pista da Osvaldo Reis

O secretário de Obras de Itajaí, Tarcísio Zanelato, explica que a área já foi recuperada, com o recapeamento asfáltico e a colocação de grama para ajudar a conter a terra. No entanto, ele afirma que ainda é necessário o monitoramento do local, principalmente em dias chuvosos.

— A área está se adensando, temos que monitorar e quando há alarme de muita chuva vamos proteger com lona. Ali é uma área de risco, foi recém feita e não quer dizer que não possa desabar de novo. Mas sábado choveu e deu tudo certo — relata.

Monitoramento

Para o coordenador da Defesa Civil, Everlei Pereira, a área corre risco de desabar como qualquer outra encosta. Ele argumenta que em função disso o órgão segue monitorando o local, para garantir a segurança de quem transita na avenida.

— Na semana passada tinha uma diferença de altura entre o asfalto novo e velho, então alertamos a prefeitura e foi novamente nivelado. Toda encosta pode se movimentar, é uma coisa natural, mas vamos fazer o acompanhamento para que possamos identificar qualquer risco e interromper o trânsito antes — reforça.

O laudo elaborado pela Defesa Civil sobre o acidente no local aponta diversos fatores que podem ter causado o deslizamento, como tráfego intenso de veículos, rachaduras no asfalto que facilitaram a infiltração, entre outros. Uma das sugestões dadas à prefeitura, segundo Pereira, foi o plantio de uma vegetação diferente para melhorar a estabilidade. O coordenador comenta também que a intervenção feita na avenida levou em conta o custo da obra e a rapidez que ela ficaria pronta.

O SOL DIÁRIO

Notícias Relacionadas

Obras 14/08/2014 | 17h51

Obras voltam a interditar faixa da Osvaldo Reis, em Itajaí, nesta sexta

Trânsito será interditado pela prefeitura no sentido Itajaí, das 8h30 às 11h

Trânsito 13/08/2014 | 21h24

Três pistas são liberadas na Avenida Osvaldo Reis, em Itajaí

Prefeitura concluiu a parte do aterramento da cratera por volta das 20h45

Cratera na Osvaldo Reis 13/08/2014 | 16h13

Abastecimento de água na Praia Brava deve ser normalizado durante a madrugada desta quarta-feira

A previsão do Semasa é que os consertos nas redes sejam concluídos por volta das 22h15

O Sol Diário
Busca