Protesto de caminhoneiros autônomos causa transtorno em Itajaí e Navegantes nesta sexta-feira - O Sol Diário
 
 

Manifestação27/02/2015 | 20h41

Protesto de caminhoneiros autônomos causa transtorno em Itajaí e Navegantes nesta sexta-feira

BR-101 teve trecho bloqueado e caminhões contêineres foram impedidos de entrar nos portos dos municípios

Protesto de caminhoneiros autônomos causa transtorno em Itajaí e Navegantes nesta sexta-feira Marcos Porto/Agencia RBS
Portões e via de acesso ao Porto de Itajaí só foram liberados no fim da tarde desta sexta-feira Foto: Marcos Porto / Agencia RBS

A manifestação dos caminhoneiros autônomos em prol de aumento no valor do frete causou transtorno em Itajaí e Navegantes, Litoral Norte de SC, nesta sexta-feira. A categoria bloqueou a BR-101 em Itajaí durante a madrugada e parte da manhã, provocando filas e aumento no trânsito dentro do município, por conta dos motoristas que desviavam do bloqueio. Os caminhoneiros também impediram a entrada e saída de caminhões contêineres nos terminais portuários das duas cidades.  

Em Itajaí, os caminhoneiros liberaram os portões de acesso e os dois corredores exclusivos na Rua Blumenau para entrada e saída de cargas no porto por volta das 17h desta sexta. O desbloqueio ocorreu após a arrendatária do porto, a  APM Terminals, conseguir uma liminar em que a Justiça determinou a saída dos caminhoneiros. Na decisão, o juiz Ricardo Rafael dos Santos estabeleceu multa de R$ 2 mil por hora a ser paga por cada caminhoneiro ou sindicato, em caso de descumprimento.

A Superintendência do Porto de Itajaí também conseguiu liminar na 2ª Vara da Justiça Federal. Nesta decisão, publicada no fim da tarde desta sexta, a multa estipulada é de R$ 500 mil por hora para o sindicato que descumprir e de R$ 10 mil por hora para cada caminhão ou veículo identificado durante bloqueios nas rodovias, refúgios e acostamentos de acesso ao terminal portuário. O documento é assinado pelo juiz federal substituto Andre Luiz Charan.

Em Navegantes, o movimento ocorreu de uma forma um pouco diferente. Como a Portonave já havia conseguido liminar impedindo o bloqueio da entrada do terminal portuário, os caminhoneiros autônomos passaram o dia em uma rotatória do bairro Machados, que é caminho para a Avenida Portuária, e orientavam os caminhões que transportavam contêineres a fazer o retorno. Na noite desta sexta, eles permaneciam no local.

Bloqueio da BR-101
A BR-101 amanheceu bloqueada em Itajaí nesta sexta-feira. O protesto de caminhoneiros começou por volta das 22h30min de quinta, quando os manifestantes fecharam a rodovia no sentido Norte, perto do trevo de acesso à BR-470, no Km 112. Por volta das 9h os caminhoneiros encerraram o bloqueio e liberaram ambos os sentidos para veículos de carga e passeio.

O trânsito fluiu para outros veículos até às 5h30min, quando os caminhoneiros bloquearam as duas pistas. O fluxo se complicou mais ainda quando, por volta das 8h, os manifestantes bloquearam também as pistas do sentido Sul. Segundo a Autopista Litoral Sul, houve mais de seis quilômetros de congestionamento no sentido Sul e nove quilômetros no Norte. O bloqueio teve participação dos caminhoneiros autônomos de Itajaí e cidades vizinhas e ganhou o apoio de outros motoristas que vinham no sentido Sul.

O bloqueio total da BR-101 por pouco mais de três horas provocou reflexos no trânsito de alguns bairros em Itajaí. Com o protesto dos caminhoneiros os acessos da cidade ficaram congestionados. O ferry boat e a balsa da Barra do Rio, que fazem a travessia Itajaí-Navegantes, também lotaram de motoristas tentando driblar a interdição da rodovia.

Prejuízo aos portos
A Portonave emitiu nota na manhã desta sexta em que afirma que dos 766 caminhões com entrada programada entre meia-noite e 9h, apenas 35 haviam cumprido a agenda - 31 entraram e 4 saíram do terminal. Os atrasos foram reflexo da paralisação na BR-101, durante a noite e o início da manhã.

De acordo com a nota oficial os caminhões que atrasaram estão sendo reagendados e a movimentação de contêineres segue normalmente.

Conforme a Portonave, entre às 14h30 e às 17h30 desta sexta, apenas três caminhões entraram no terminal. Os caminhoneiros podem ter chegado ao porto por meio de ruas laterais da BR-470, evitando o bloqueio na rotatória do bairro Machados. Em uma sexta-feira normal entram 1200 a 1400 caminhões no terminal.

A APM Terminals _ arrendatária do Porto de Itajaí _ informou apenas que recebe diariamente cerca de 800 caminhões. A empresa não divulgou o prejuízo sofrido com o impedimento da entrada dos caminhões no seu terminal.

O SOL DIÁRIO - O SOL DIÁRIO

Notícias Relacionadas

Determinação judicial 27/02/2015 | 17h27

Caminhoneiros liberam acesso ao Porto de Itajaí

Liminar determinou a saída dos transportadores autônomos na tarde desta sexta-feira

Reflexos 27/02/2015 | 11h52

Protesto dos caminhoneiros na BR-101 provoca longas filas no ferry boat e congestiona trânsito em Itajaí

Bairros Salseiros, Cordeiros e Centro foram os mais afetados pelo bloqueio da rodovia

Manifestação 27/02/2015 | 10h53

Caminhoneiros organizam protesto em frente ao Porto de Itajaí e terminais portuários da região

Categoria paralisou os serviços e reivindica aumento do preço dos fretes

Mobilização 27/02/2015 | 08h01

Bloqueio na BR-101 gera filas em Itajaí na manhã desta sexta-feira

Rodovia chegou a ficar bloqueada em todos os sentidos, mas foi liberada por volta das 9h

Protesto 26/02/2015 | 12h36

Princípio de bloqueio na BR-101 causa lentidão em Itajaí

Quatro veículos ligados aos protestos dos caminhoneiros teriam ocasionado congestionamento

Protesto 26/02/2015 | 08h16

Caminhoneiros bloqueiam BR-101 durante toda noite em Itajaí

Liberação da rodovia ocorreu às 6h desta quinta-feira após negociação com a PRF

Protesto 25/02/2015 | 18h41

Caminhoneiros autônomos de Itajaí e região planejam cruzar os braços sexta-feira

Sindicato da categoria afirma que não serão bloqueadas rodovias e nem a entrada dos portos

O Sol Diário
Busca