Polícia Federal indicia 90 pessoas na Operação Enredados - O Sol Diário
 
 

Investigação23/12/2015 | 13h12Atualizada em 23/12/2015 | 15h01

Polícia Federal indicia 90 pessoas na Operação Enredados

Ex-presidente do Sindipi de Itajaí, Giovani Monteiro, está entre os indiciados

Polícia Federal indicia 90 pessoas na Operação Enredados Marcos Porto/Agencia RBS
Ex-presidente do Sindipi de Itajaí, Giovani Monteiro Foto: Marcos Porto / Agencia RBS

A Polícia Federal indiciou 90 pessoas envolvidas na Operação Enredados e informou que concluiu a ação nesta terça-feira. Deflagrada em 15 de outubro deste ano, a operação teve o objetivo de desarticular uma suposta organização criminosa que atuava junto ao Ministério da Pesca e Aquicultura (Brasília e Santa Catarina) e ao Ibama (Santa Catarina). Entre os indiciados está o ex-presidente do Sindicato dos Armadores e das Indústrias da Pesca de Itajaí e região (Sindipi), Giovani Monteiro, que continua preso em Porto Alegre (RS).

Os supostos crimes relatados na operação totalizaram aproximadamente 450 indiciamentos, sendo 55 por corrupção ativa, 77 por corrupção (nas modalidades passiva e privilegiada), 98 por crime ambiental, entre outros crimes. Entre os indiciados, 27 eram servidores públicos.

O armador de pesca e secretário de Turismo de Itajaí, Agnaldo Hilton Santos, não está na lista da PF. A casa dele foi alvo de um mandado de busca e apreensão no dia em que a operação foi deflagrada. Santos disse que apenas prestou esclarecimentos sobre sua licença.

Emissão de licenças ilegais na pesca ocorreria após autuações do Ibama
Presidente do Sindipi está entre os presos da Operação Enredados

No dia 27 de novembro, a Polícia Federal já havia encaminhado o relatório final do inquérito com mais de 30 casos supostamente criminosos – eles foram divididos em subfatos e distribuídos conforme o núcleo de atuação. Cada subfato relata de forma individual a conduta dos investigados de acordo com as provas reunidas durante um ano de operação e a participação nos supostos crimes.

Uma decisão da Justiça Federal também revogou, na última sexta-feira, 12 mandados de prisão preventiva, porém o Ministério Público Federal interpôs uma liminar junto ao Tribunal Regional Federal da 4ª Região e conseguiu reverter 11 prisões. Atualmente, 13 pessoas continuam presas, de um total de 19 detidas quando a operação foi deflagrada.

Dano ambiental de mais de R$ 5 bilhões

A PF informou ainda que durante a operação foram constatados inúmeros crimes ambientais e ilícitos administrativos. O dano ambiental é estimado pelo Ibama em mais de R$ 5 bilhões. A polícia também fez várias diligências e apreensões decorrentes da pesca ilegal. No total, foram apreendidas cerca de 250 toneladas de peixe com valor comercial que ultrapassa R$ 3 milhões.

Contraponto

O advogado de Giovani Monteiro, Thiago Custodio Pereira, disse que ficou surpreso com a divulgação do indiciamento, na terça-feira, pela Polícia Federal. Segundo ele, isso havia ocorrido ainda em 27 de novembro. Conforme Pereira, a defesa está aguardando o recurso pendente no Supremo Tribunal de Justiça (STF) sobre a revogação da prisão de Monteiro, que está preso no Presídio Central de Porto Alegre (RS).

— Em relação às acusações não houve ilegalidade, nem a venda de licenças. Como meu cliente era presidente de uma entidade e tinha que solicitar as licenças para os associados, a Polícia Federal tenta colocar isso como ilegalidade, mas acredito que vamos provar sua inocência — afirma.

O SOL DIÁRIO

Notícias Relacionadas

Operação Enredados 16/10/2015 | 20h51

Ibama em SC tem novo superintendente interino após operação da Polícia Federal

Adenilson Perin substitui Américo Ribeiro Tunes, detido na quinta-feira

Operação Enredados 15/10/2015 | 12h19

Ibama exonera superintendente detido pela Polícia Federal em Santa Catarina

A investigação apura a concessão irregular de licenças na pesca industrial, entre outras irregularidades

Operação Enredados 15/10/2015 | 11h37

Secretário-executivo nacional da pesca é preso pela PF na Operação Enredados

Em SC, superintendente estadual do Ibama foi detido. Investigação ocorre em sete estados

Operação Enredados 15/10/2015 | 10h36

De Santa Catarina a Belo Monte: a trajetória do superintendente catarinense do Ibama detido pela PF

Américo Ribeiro Tunes foi detido na manhã desta quinta-feira em Florianópolis

Licenças irregulares 15/10/2015 | 10h13

Presidente do sindicato da pesca de Itajaí está entre os detidos pela Polícia Federal na Operação Enredados

Superintendente estadual do Ibama, Américo Ribeiro Tunes também foi detido

Operação Enredados 15/10/2015 | 08h44

Superintendente do Ibama em SC é detido em operação da Polícia Federal

Ação cumpre mandados em cinco cidades do Estado, incluindo duas prisões temporárias

O Sol Diário
Busca