Traficante Neném da Costeira permanecerá em presídio federal - Segurança - O Sol Diário

Decisão03/08/2016 | 19h33

Traficante Neném da Costeira permanecerá em presídio federal

STJ veta retorno do criminoso Santa Catarina.

Traficante Neném da Costeira permanecerá em presídio federal Guto Kuerten/Agencia RBS
Sérgio de Souza, o Neném da Costeira é apontado pela polícia como um dos principais traficantes de Santa Catarina. Foto: Guto Kuerten / Agencia RBS

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu nesta quarta-feira que o traficante Sérgio de Souza, o Neném da Costeira, deverá permanecer no sistema penitenciário federal. Em maio, a Justiça Federal de Porto Velho, em Rondônia, havia decidido o retorno do criminoso ao Estado.

A determinação do STJ já foi comunicada as autoridades da execução penal de Santa Catarina. A decisão na íntegra do STJ deverá ser publicada nos próximos dias.

O Departamento de Administração Prisional (Deap) era contra o retorno de Neném a uma prisão do Estado. Já o advogado dele, Francisco Ferreira, pleiteava o retorno, entre outros motivos pelo estado de saúde do detento, que vem piorando — Neném sofre de doença degenerativa da retina e estaria perdendo significativamente a visão.

O preso está atualmente na Penitenciária Federal de Mossoró, no Rio Grande do Norte. O sistema prisional catarinense afirmou no pedido judicial que Neném é indivíduo de alta periculosidade, envolvido com a facção Primeiro Grupo Catarinense (PGC), líder de grupos criminosos, além de ser o traficante que abastece a Grande Florianópolis, mantendo contato inclusive com integrantes das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc).

Nos últimos anos, as polícias Civil e Federal consideravam Neném da Costeira como um dos principais traficantes de drogas de Santa Catarina. 


 

Veja também

  •                                
  •  
     
  •  
     
  •  
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros