Três são presos após assalto a relojoaria em Indaial e troca de tiros com a Polícia Militar - Segurança - O Sol Diário

Segurança03/10/2016 | 18h47

Três são presos após assalto a relojoaria em Indaial e troca de tiros com a Polícia Militar

Entre eles estava um jovem de 20 anos foragido da Penitenciária da Canhanduba

Três são presos após assalto a relojoaria em Indaial e troca de tiros com a Polícia Militar Divulgação/Corpo de Bombeiros
Dois bandidos ficaram feridos durante a ação policial. Foto: Divulgação / Corpo de Bombeiros

Um assalto a relojoaria em Indaial na tarde desta segunda-feira terminou com três homens presos pela Polícia Militar. Dois dos envolvidos ainda ficaram feridos quando tentaram fugir do cerco montado pela PM próximo ao trevo do Celeiro do Vale, na BR-470 — um por quebrar o pé ao pular de uma ponte na tentativa de escapar e outro baleado no abdômen. Houve troca de tiros.Com o trio foram encontradas duas armas de fogo, além de todas as joias que haviam sido levadas do estabelecimento.

Conforme a polícia, dois dos envolvidos, de 17 e 20 anos de idade, têm diversas passagens e um deles, Gustavo Kops Moresco, natural de Indaial, estava foragido da Penitenciária da Canhanduba, em Itajaí. Ele teria usufruído de saída temporária porém não retornou no dia 28 de setembro. No seu histórico estão cinco assaltos, dois flagras por porte de drogas, adulteração de chassi de veículo, furtos e estelionato.

JORNAL DE SANTA CATARINA

 

Veja também

  •                                
  •  
     
  •  
     
  •  
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros