Blumenau registra três homicídios em menos de 48 horas - Segurança - O Sol Diário

Criminalidade04/11/2016 | 07h04

Blumenau registra três homicídios em menos de 48 horas

Duas mortes a tiros foram registradas no Badenfurt e uma terceira por esfaqueamento no Progresso

Blumenau registra três homicídios em menos de 48 horas Jean Laurindo/Agência RBS
Foto: Jean Laurindo / Agência RBS

Correção: Até as 14h19min de 04/11/2016, a matéria informou que o suspeito do crime seria Jorge Luiz Luciano. O nome correto é Josué Luiz Luciano. A informação inicial havia sido repassada pela Polícia Civil e foi corrigida no texto.

Quem passa uma primeira vez pela rua pode até se surpreender com as cercas baixas, as janelas sem grades e o clima de aparente tranquilidade. É que esta semana a região da Rua Bernardo Scheidemantel, no bairro Badenfurt, voltou a ser notícia de segurança pública após dois homicídios cometidos quase no mesmo local, em uma semana violenta: além dos dois casos, um terceiro assassinato foi registrado na cidade em menos de 48 horas, ontem ao meio-dia, no Morro do Arthur, no bairro Progresso, onde Ovânio Kavikioni, 39 anos, que teria saído do presídio na terça-feira, foi esfaqueado e morto.

Na noite de terça-feira, Janete Fatima Zanella, conhecida como Tata, 42 anos, foi morta a tiros em frente ao Bar do Índio, na Rua Bernardo Scheidemantel. Embora ainda não se saiba a motivação do crime e ela não tivesse antecedentes criminais, policiais relataram que ela teria envolvimento com drogas. Por volta das 22h de quarta-feira, Altair dos Santos, 55, foi morto a tiros em frente ao Bar do João, a menos de 50 metros do local do crime do dia anterior. Ele morava há mais de 20 anos na localidade, trabalhava no bar e teria sido atingido quando saía do estabelecimento.

Ontem o clima na localidade era de apreensão. Os dois bares em que ocorreram os crimes estavam fechados, assim como as janelas de muitas casas em volta. Na vizinhança, evitava-se falar sobre o assunto.

— A gente que trabalha à noite fica com receio porque nunca se sabe — admite uma funcionária de outro bar próximo.

Mais perto dos locais das mortes o silêncio aumenta. Falar com jornalistas é algo desaconselhado. Mas relatos breves de comerciantes e clientes deixam no ar a preocupação com possíveis novos capítulos. Embora os dias sejam tranquilos na região, segundo comerciantes, situações como disparos de madrugada despertam nas famílias a suspeita de uma possível rixa em um loteamento vizinho.

— Como a gente vai ter tranquilidade para deixar os filhos em casa desse jeito? — questiona uma moradora.

Investigação relaciona casos
O delegado responsável pela Divisão de Investigação Criminal (DIC), Bruno Effori, conta que ainda não há suspeitos ou motivações identificados para os dois homicídios do Badenfurt – no terceiro, o suspeito foi preso ontem à tarde. Há uma linha de investigação que relaciona os dois assassinatos, com indícios como o calibre da arma, o mesmo nos dois crimes. Nenhuma das vítimas tinha passagem policial, conforme Effori.

O delegado lembra que a região já registrou outros homicídios este ano, como o de um casal carbonizado dentro de um carro e de um homem assassinado em uma boate às margens da BR-470, ambos em setembro. As vítimas moravam na localidade.

— Isso não significa que o bairro é mais violento, mas pode ocorrer por uma tensão entre grupos criminosos, algo que vem sendo investigado — admite o delegado.

O suspeito de cometer o terceiro homicídio da semana, no bairro Progresso, foi preso ontem à tarde. De acordo com a Polícia Civil, Josué Luiz Luciano* teria confessado o crime após ser detido e disse que vinha sendo ameaçado pela vítima, Ovânio Kavikioni. Jorge teria contado ainda que ontem, após uma briga, teria tomado a faca da vítima e cometido o homicídio. A reportagem não conseguiu contato com o advogado do suspeito.

Os casos

Terça-feira:
Às 21h30min uma mulher de 42 anos foi morta na frente de um bar na Rua Bernardo Scheidemantel, no Badenfurt. Ela teria sido chamada por duas pessoas e atingida por tiros na cabeça e nas costas.

Quarta-feira:
Por volta das 21h30min, um homem foi morto a tiros em frente a outro bar no Badenfurt. A vítima, identificada como Altair dos Santos, 55 anos, trabalhava no local e estava deixando o estabelecimento.

Ontem:
Por volta de 12h40min, um homem morreu esfaqueado na Rua Enio Manoel Pires, no bairro Progresso. A vítima foi identificada como Ovânio Kavikioni, 39 anos. O suspeito foi preso ainda ontem.

 

JORNAL DE SANTA CATARINA - Blumenau

 

Veja também

  •                                
  •  
     
  •  
     
  •  
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros