PM prende seis pessoas por suspeitas de troca de tiros no Siri, em Florianópolis - Segurança - O Sol Diário

Operação22/01/2017 | 17h51Atualizada em 22/01/2017 | 19h17

PM prende seis pessoas por suspeitas de troca de tiros no Siri, em Florianópolis

Armas e coletes foram apreendidos em ação montada como resposta a disparos na manhã deste domingo na região dos Ingleses

PM prende seis pessoas por suspeitas de troca de tiros no Siri, em Florianópolis Divulgação / PM/PM
Foto: Divulgação / PM / PM

O comando da Polícia Militar na região do norte da Ilha de Santa Catarina, em Florianópolis, informou que foram presas neste domingo seis pessoas suspeitas de crimes e tiros na comunidade do Siri, nos Ingleses. Uma arma calibre 12, uma pistola e um revólver foram apreendidos, além de dois coletes balísticos, um carregador, drogas e munições de uso restrito.

Segundo o tenente-coronel Sinval Santos da Silveira Junior, comandante do 21º Batalhão da PM, a ação foi resultado de uma operação montada pela PM após tiros na madrugada que foram disparados entre grupos rivais. Os disparos foram perto do local em que estavam os PMs — a corporação está com uma barreira na entrada do Siri.

O trabalho envolveu policiais de várias equipes. O comandante relatou que entre os presos está um foragido da Justiça.

— Foi uma pronta resposta da PM. Os policiais estavam no encalço deles os tiros pela manhã — disse.

Os suspeitos foram encaminhados para a Central de Plantão do norte da Ilha. Os nomes dos detidos não foram informados. A pistola e o revólver foram apreendidos em novas buscas depois da primeira apreensão da arma calibre 12 e dos coletes.

Foto: Divulgação / PM

Indagado pela reportagem sobre a violência no norte da Ilha, em que seis pessoas foram mortas desde o início do ano por suspeitas de envolvimento com disputas do tráfico de drogas, o comandante garantiu que a PM está dando respostas.

— A PM aperta de um lado e eles, os criminosos, fogem para outro lado. São grupos distintos e que estão executando o grupo rival — disse o tenente-coronel Sinval.

No sábado à tarde, dois homens foram executados no Morro do Mosquito, na Vargem do Bom Jesus. Eles estavam em Gol da cor vermelha atingido por mais de 20 tiros.

Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioBaleia que morreu em Barra Velha vai integrar acervo do Museu Oceanográfico da Univali https://t.co/ova0wTXP2yhá 1 diaRetweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioReunião que irá definir fórmula do Catarinense de 2018 está marcada para o dia 6 https://t.co/8hx11OaZTchá 1 diaRetweet

Veja também

O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros