Homem bate carro após roubá-lo e veículo pega fogo no Morro da Cruz, em Florianópolis - Segurança - O Sol Diário

Incêndio14/03/2017 | 12h16Atualizada em 14/03/2017 | 17h50

Homem bate carro após roubá-lo e veículo pega fogo no Morro da Cruz, em Florianópolis

Bombeiros apagaram as chamas no veículo, que tem tanque de GNV

Homem bate carro após roubá-lo e veículo pega fogo no Morro da Cruz, em Florianópolis Emerson Souza/Agencia RBS
Foto: Emerson Souza / Agencia RBS

Um homem de 32 anos foi preso no começo da tarde desta terça-feira após roubar um táxi em São José e bater o veículo no Morro da Cruz, em Florianópolis. Com o impacto no guard-rail e nas pedras, o carro pegou fogo, que foi apagado pelo Corpo de Bombeiros.

Thiago Brasil do Nascimento abordou o taxista Claudio Fernandes, 64 anos, no bairro Kobrasol, e pediu uma corrida até as proximidades da RBS, no Morro da Cruz. Pouco antes do destino, Thiago anunciou o assalto colocando a ponta de uma faca na barriga do taxista. O assaltante, então, abandonou Claudio perto do mirante do morro.

Na fuga, Thiago perdeu o controle da direção e bateu no guard-rail e nas pedras. O carro incendiou, e o ladrão fugiu para dentro da mata. Durante o atendimento da ocorrência, mesmo com a presença de viaturas da Polícia Militar (PM) e dos Bombeiros, o assaltante saiu do matagal ferido e foi detido.

Ele disse aos policiais que pretendia negociar o carro por drogas, mas que, ao trocar de camiseta durante a fuga, perdeu o controle do veículo. Para Claudio, o importante é que ele não havia se ferido:

— Amigão, olha aqui, estou bem. É isso que importa. Estou há 22 anos como taxista e é a primeira vez que me acontece isso.

Thiago Brasil Nascimento no momento em que foi detido pelos policiais Foto: Emerson Souza / Agencia RBS

O taxista apenas lamentava que a carteira dele não havia sido recuperada. Thiago disse aos policiais que havia deixado os documentos dentro do carro. Na carteira havia R$ 400 que ele usaria para pagar contas. Os celulares de Claudio, por outro lado, foram encontrados no bolso do assaltante. O veículo pertencia a um permissionário. Familiares dele estiveram no local do acidente.

Leia também:
Começa o júri popular do assassino confesso de menino indígena em Imbituba

Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioJovem goleiro espera por estreia no Figueirense no último jogo do ano https://t.co/xiVdXThcZThá 22 minutosRetweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioDez dias após tirar gesso, catarinense leva dois ouros no atletismo das Paralimpíadas  https://t.co/9mTBny7ByQhá 1 horaRetweet

Veja também

O Sol Diário
Busca