Bandidos fazem limpa em creche municipal de Palhoça - Segurança - O Sol Diário

Na Barra do Aririú31/07/2017 | 19h26Atualizada em 31/07/2017 | 19h26

Bandidos fazem limpa em creche municipal de Palhoça

Computadores, uma geladeira nova, fogão, micro-ondas, caixas de som e o dinheiro arrecadado na festa junina foram levados pelos criminosos 

Bandidos fazem limpa em creche municipal de Palhoça Arquivo Pessoal/Arquivo Pessoal
Além do roubo, criminosos ainda vandalizaram a creche, com equipamentos quebrados e leite derramado pelas salas Foto: Arquivo Pessoal / Arquivo Pessoal

As funcionárias do Centro de Educação Infantil Aprender Brincando tiveram uma surpresa muito desagradável na manhã desta segunda-feira (31), quando chegaram na creche da Barra do Aririú, em Palhoça, para a última limpeza antes do reinício das aulas. Bandidos levaram praticamente todos os equipamentos eletrônicos e os eletrodomésticos do prédio. O prejuízo calculado é de cerca de R$ 50 mil.

Conforme a diretora da creche, Lindaura Rosa Espínola, de 49 anos, os ladrões não arrombaram o prédio. Eles penduraram um banco numa janela basculante, pequena demais para um homem adulto passar. Por isso a suspeita é que possa ter sido um adolescente. Lá de dentro, essa pessoa pegou as chaves e abriu a creche.

Um dos ladrões entrou por aquela janela após escorar o banco Foto: Arquivo Pessoal / Arquivo Pessoal

Levaram dois computadores com equipamentos, onde estavam todos os dados dos alunos e servidores, uma geladeira ainda na caixa (recebida pelo FNDE), três micro-ondas (sendo dois na caixa), um forno elétrico, um fogão, uma caixa de som grande e outra pequena, um aparelho de som, três DVDs e o dinheiro arrecadado da festa junina, além de produtos de limpeza e as próprias chaves das salas e repartições.

Não bastasse o prejuízo, ainda espalharam litros de leite pelas salas. Para fugir, inutilizaram um jogo de mesa, que foi usado como ponte para atravessar uma vala.

A creche não possui vigias nem câmeras de segurança, por isso a Polícia Civil de Palhoça ainda não tem suspeitos. Também não é possível fazer uma perícia porque nada foi arrombado. No entanto, vizinhos contaram que os autores são moradores da própria comunidade.

A creche atende 97 crianças, sendo 61 em período integral. Apesar do transtorno, as aulas não serão suspensas.

— Nós vamos começar amanhã (terça). Se a intenção era nos destruir, mostraremos que a nossa força é maior, porque a gente faz de tudo pelas crianças — destacou, emocionada, a diretora Lindaura.

O Centro de Educação Infantil Aprender Brincando ficava no loteamento Laranjeiras desde a inauguração, em 2009. Se mudou em agosto do ano passado para o loteamento Vila Nova, ambos na Barra do Aririú. Ainda estava se adaptando, quando sofreu o assalto. E esse não foi o primeiro: durante a construção, ladrões levaram materiais de construção da unidade.

Leia todas as notícias sobre Palhoça na Hora de Santa Catarina

Sala onde eram guardados equipamentos eletrônicos ficou assim: vazia Foto: Arquivo Pessoal / Arquivo Pessoal

Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioInvestidores do Figueirense vão processar Alex Bourgeois, ex-CEO https://t.co/KAk2xyisS6há 33 minutosRetweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioFigueirense acerta a renovação de Zé Antônio, Jorge Henrique, João Paulo e André Luís https://t.co/QBWk3rh6tEhá 1 horaRetweet

Veja também

O Sol Diário
Busca